MEDO DO CORONAVÍRUS

MEDO DO CORONAVÍRUS

Vivemos com medo de tudo. Temos medo da pobreza, da doença, do desemprego, de acidentes, da crítica, da tempestade, do assaltante, do futuro, da velhice e da morte. Agora, uma sombra gigantesca de medo faz tremer toda a humanidade. O inimigo invisível se chama Coronavírus.

QUAIS são seus medos? Você tem medo de que? O medo está presente no coração e na mente de muitas pessoas. Alguns são atingidos de tal forma por ele que ficam paralisados. Um pensador chamado Napoleon Hill, dizia que um dos instrumentos mais poderosos para viver triste é o medo.

AS FORÇAS negativas, com pensamentos perturbadores e de medo, são diabólicas. São elas que perturbam a harmonia. Perceber que as forças negativas agem em nosso pensamento é muito importante. As forças positivas que destroem os pensamentos negativos e o medo são a fé, a esperança e o otimismo. Elas dão harmonia a tudo e sustentam a vida. Essas forças são de Deus.

TODA a vez que nos omitimos, toda a vez que fugimos, nosso medo torna-se maior. Por outro lado, sempre que enfrentamos o inimigo – independente do resultado – cresce nossa confiança. Não temos a obrigação de vencer sempre, mas de lutar. É a luta que dá dignidade a uma vida. E, um dia, Deus não nos perguntará se vencemos, mas se lutamos. Ele, nem sempre nos livra do medo, mas nos dar forças para superá-lo.

A CORAGEM é uma conquista. É impedir que o medo e timidez tornem-se traços marcantes em nossa personalidade. Coragem, é continuar avançando, mesmo morrendo de medo. No horizonte da Fé, a coragem procede da certeza da proteção de Deus. O evangelista Lucas conta a história de uma tempestade que ameaçava afundar a barca onde os apóstolos estavam. Jesus, com carinho e ternura, perguntou a eles: onde está vossa Fé?

DEIXE que Deus assuma as rédeas de sua vida e Ele o levará ao território da felicidade. Ele quer que seus filhos e filhas sejam felizes, já aqui nesta vida. Na liturgia proclamamos: “A nossa proteção está no nome do Senhor”! A frase: “Não tenham medo” figura dezenas de vezes no Evangelho. E Jesus, também, promete: “Eu estou convosco todos os dias até a consumação dos séculos” (Mt 20,20).

 

Dom Itamar Vian
Arcebispo Emérito
[email protected]

Cronicas da Semana – 27 de Julho de 2020

Compartilhe :

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

instagram

facebook