Papa pede generosidade dos cristãos às comunidades da Terra Santa

Papa pede generosidade dos cristãos às comunidades da Terra Santa

Uma peregrinação em espírito a Jerusalém, é o convite do Santo Padre neste dia em que é realizada a Coleta em favor das comunidades da Terra Santa.

Vatican News

Devido à pandemia, a Coleta da Terra Santa foi transferida neste ano da Sexta-feira Santa para este domingo, 13 de setembro. Após rezar o Angelus com os fiéis reunidos na Praça São Pedro, o Papa exortou à generosidade e convidou a fazermos uma peregrinação “em espírito” à terra “onde estão nossas fontes”:

No contexto atual, esta Coleta é ainda mais um sinal de esperança e de solidariedade para com os cristãos que vivem na terra onde Deus se fez carne e morreu e ressuscitou por nós. Façamos hoje uma peregrinação espiritual, em espírito, com a imaginação, com o coração, a Jerusalém, onde como diz o Salmo estão as nossas fontes. E façamos um gesto de generosidade por aquelas comunidades.

As ofertas recolhidas em todo o mundo neste dia, constituem de fato a “Coleta Pró Terra Santa”, uma ajuda que há séculos é destinada aos cristãos do Oriente Médio. Os frades franciscanos na Terra Santa, de fato, não se limitam apenas a guardar e conservar as Pedras daqueles lugares, mas também cuidam das pedras vivas, isto é, dos cristãos locais e especialmente daqueles que se encontram em condições difíceis.

As comunidades católicas da Terra Santa, por meio desta Coleta, recebem o apoio para estarem próximas dos pobres e dos que sofrem, sem distinção de credo ou etnia. Esta ajuda permite às paróquias manterem abertas suas portas a todas as necessidades, assim como as escolas, onde cristãos e muçulmanos juntos preparam um futuro de respeito e colaboração. O valor também é destinado a hospitais e clínicas, asilos e centros de acolhida.

 

LEIA TAMBÉM

 

Compartilhe :

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

instagram

facebook