Solenidade da Epifania do Senhor | 03.01.2021

As celebrações eucarísticas em honra à Epifania do Senhor, realizadas na Catedral de Sant’Ana, neste domingo, dia 03 de janeiro, foram presididas pelo Arcebispo Emérito Dom Itamar Vian, às 07h e pelo Pároco Pe Arivaldo Aragão, às 10 e 17h, sendo concelebrada pelo Diácono Jonathan da Paróquia São João Paulo II, às 10 horas. A Solenidade da Epifania do Senhor é normalmente celebrada no dia 6 de janeiro, mas, no Brasil, a festa é sempre transferida para o domingo mais próximo.

A Epifania do Senhor é a festa que comemora a manifestação de Jesus Cristo como Messias, o Filho de Deus e Salvador do mundo. É o acolhimento da Boa Nova da Salvação no mistério da Encarnação. Esta primeira manifestação se dá aos reis magos que, guiados por uma estrela, chegam a Belém e, ao ver o Menino com Maria, sua Mãe, ajoelham-se diante Dele e o adoram.

A Liturgia da Festa da Epifania tem como tema a luz. Não há treva no mundo que resista à luz de Cristo. No Evangelho, vemos a concretização dessa promessa: ao encontro de Jesus vêm os “magos” do oriente, representantes de todos os povos da terra. Atentos aos sinais da chegada do Messias, procuram-nO com esperança até O encontrar, reconhecem n’Ele a “salvação de Deus” e aceitam-nO como “o Senhor”. A salvação rejeitada pelos habitantes de Jerusalém torna-se agora um dom que Deus oferece a todos os homens, sem exceção.

Padre Arivaldo Aragão explicou em sua homilia que tanto o Natal quanto a Epifania marcam o mesmo evento: o nascimento do Emanuel, do Deus conosco. “A Solenidade da Epifania nos remete a esses homens (os três reis magos) que poderiam ter ficado, já homens estudiosos e entendidos, mas que deixaram tudo, deixaram suas famílias, sua posses e se colocaram numa viagem de muito tempo e quando chegaram, adoraram!”,  relatou Padre Ary. “Como precisamos, neste ano, iluminados e tocados pela Palavra, sermos homens e mulheres de Adoração. Como precisamos dobrar o joelho em casa, na Igreja e tirar um tempo e vim estar diante do Senhor para poder experimentar a alegria que aqueles homens experimentaram“, ressaltou o Pároco.

Compartilhe :

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

instagram

facebook